segunda-feira, novembro 27, 2006

Velas para o NATAL

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje vamos aprender a fazer lindas VELAS decoradas para o Natal. Cada um pode usar sua criatividade e seu bom gosto, vou passar as dicas básicas.
Para começar a fazer...

Material básico:
parafina
panela grande
colher de pau de cabo longo
pavio ou barbante encerado
fôrma no formato desejado

Modo de Fazer:

Coloque a parafina em uma panela grande, leve ao fogo brando em banho-maria e mexa com a colher de pau.

Assim que ela derreter, desligue o fogo. Vá mexendo de vez em quando até a parafina estar total mente derretida.

Posicione o pavio e despeje a parafina na fôrma.



DICAS IMPORTANTES:

- Prefira a parafina de cor mais branca e transparente, é a de melhor qualidade.
- Na hora de escolher o pavio, lembre-se de que quanto mais grosso for, mais depressa queima. Quanto mais fino, menor a chama, a vela queimará mais lentamente.
- O melhor tipo de pavio é o de algodão trançado e preparado quimicamente, chamado de pavio quimicado, que não deixa a parafina escorrer. Já o pavio de barbante não absorve bem a parafina, por isso a vele derrete e a chama apaga logo.
- No caso de velas coloridas, adicione a anilina em quantidade suficiente para obter o tom desejado e mexa bem. Lembre-se de que a cera quente tem mais transparência, tendendo a condensar-se e a acentuar a tonalidade na medida em que for esfriando.
- Se preferir, faça antes um teste de cor. Aqueça uma mistura de parafina e anilina. Com uma colher, retire um pouco dessa mistura e coloque sobre a torneira de água fria. o tom obtido será o resultado da cor final.
- Anote a proporção ao fazer velas perfumadas: adicione 100 g de essência oleosa para cada quilo de parafina.
------------------------------------
CUIDADOS:

- Ao colocar a parafina no fogo, prefira as bocas de fundo do fogão e mantenha as crianças afastadas: o produto é altamente inflamável.

- Por ser uma substância inflamável, derreta sempre a parafina em banho-maria, no fogo brando, mexendo com uma colher de pau. Se começar a sair fumaça, é sinal de que a temperatura da parafina está muito alta. Nesse caso, desligue o fogo imediatamente. E tampe o recipiente se surgirem chamas.

- O tamanho da panela varia conforme a quantidade de parafina a ser derretida. Para prevenir acidentes, escolha um modelo que não tenha alça de plástico.

- Por segurança, trabalhe usando avental grosso e luvas de amianto. O material é inflamável, lembre-se.

- A parafina é totalmente reciclável. Mesmo a que cai no chão pode ser reaproveitada. Para isso basta reaquecê-las, fazendo-a voltar ao estado líquido. Depois coe. Unte o recipiente em que a parafina será guardada com detergente ou vaselina em pasta. Esse recipiente deve ter a parte interna lisa, sem friso na borda superior. Assim o material sairá com facilidade.
--------------------------------------

VELAS FLUTUANTES:



Material

1 Kg de parafina
100 g de cera micro
30 a 50 ml da essência que preferir
corante à base de óleo (anilina)
pavio
palitos
1 panela pequena
vaselina líquida
fôrma (com o formato que você preferir).

Como fazer:


1. Aqueça a parafina com a cera micro em banho-maria até derreter tudo. A fusão ficará transparente como água.

2. Mergulhe o pavio, em pedaços de 25 cm, na cera e estique-o para que seque de forma reta e uniforme. Ele ficará bem firme. Guarde-o.

3. Acrescente o corante - apenas um pouco já dará uma cor consistente - e misture bem com os palitos de madeira.

4. Acrescente a essência. Algumas gotas já proporcionarão um bom aroma.

5. Unte as fôrmas com a vaselina líquida.

6. Derrame a parafina já colorida nas fôrmas untadas.


7. Deixe endurecer por alguns minutos até que a cera fique um pouco consistente, mas não dura.

Para saber melhor o ponto certo, sacrifique uma de suas fôrmas elegendo-a para teste - ela poderá voltar para a panela de novo e voltar à forma líquida.

8. Corte o pavio em pedaços de 3 a 4 cm e coloque-os bem no centro de sua vela até encostar no fundo da fôrma.

9. Deixe secar até endurecer definitivamente retire as velas das fôrmas e corte novamente os pavios de cada fôrma de modo a deixá-los apenas com 1 cm.

VELAS DE CANELA:

Material:

1,5 kg de parafina em pó
1 pavio parafinado com base em metal
1 leiteira e 1 assadeira redondas
2 formas redondas
10 cm (largura) x 13 cm (altura)
15 cm (largura) x 13 cm (altura)
essências de canela
corantes à base de óleo (vermelho e marrom)
canela em pau
vaselina
palitos de madeira (pode ser lápis)
avental

Fazendo uma vela piloto:



1. Coloque a parafina em banho-maria na leiteira até derreter.
Dica: Para a sua assadeira não ficar preta, coloque algumas gotas de vinagre na água do banho-maria.

2. Enquanto a parafina derrete, unte a forma com bastante vaselina para a vela piloto sair fácil.

3. Quando a parafina tiver derretida, acrescente a essência (1 tampa) e os corantes (1/2 tampa de cada).


4. Coloque o pavio na fôrma menor. Depois despeje a parafina na fôrma.

5. O pavio deve ficar bem centralizado e reto. Para mantê-lo na posição, utilize um hashi (palito japonês).

6. Deixe endurecer por aproximadamente 1h30. Esse tempo depende das condições climáticas.

Fazendo a VELA DE CANELA:

1. Unte a fôrma maior com vaselina. Disponha as canelas em paus em volta da fôrma de modo que fiquem eqüidistantes.
Dica: Se tiver dificuldade em equilibrar as fôrmas, utilize grampos.

2. Coloque a vela piloto no centro da fôrma. Despeje a parafina até 1 cm do fundo da fôrma e espere esfriar fixando as canelas. Espere endurecer por aproximadamente 15 minutos.
Dica: A parafina deve estar bem quente! Preencha toda a fôrma até a borda.


3. Espere 2 horas, aproximadamente. Retire da fôrma. Para dar o acabamento na vela, você deve raspá-la, utilizando uma faca ou espátula. O processo da raspagem é muito simples! Basta retirar a
parafina que está cobrindo as canelas, e pronto!

VELAS GRANULADAS:



Material:

parafina comum em pó e parafina lentilha-plus
anilina em pó à base de óleo cor de laranja
vaselina líquida ou essência à base de óleo
1 vidro comprido alto
sacos plásticos
pavio próprio para velas-gel
uma luva cirúrgica ou

Como fazer:



1. Tinja a parafina comum em quatro tons de laranja. Coloque pequenas porções de parafina branca em um saco plástico, acrescente a anilina em pó e a essência oleosa (ou a vaselina). Quanto maior a quantidade do líquido, mais diluída será a tonalidade final.

2. Feche o saco plástico mantendo o ar dentro e balance para tingir por igual. Tinja a lentilha-plus com uma tonalidade mais forte.

3. Comece a montagem. despeje no vidro uma pequena porção de parafina comum. Posicione-a num canto, inclinando levemente o vidro.


4. Acrescente aos poucos, irregularmente a parafina, alterando os diferentes tons com a parafina branca. Despeje de maneira que os grãos (escorram) pela parede do vidro.

5. Quando faltarem 3 cm para atingir a borda do vidro, cubra a superfície com uma fina camada de um único tom de parafina comum em pó. "Cave" quatro espaços com o dedo para produzir um efeito diferente e cubra com a parafina comum.

6. Enfie o pavio no centro da vela, mantendo uma distância de 2 cm do fundo do vidro. Esse cuidado é importante, pois impede que o fogo do pavio encoste no vidro e provoque um estouro.

7. Para fazer o acabamento e facilitar o transporte das velas, derreta uma pequena quantidade de parafina branca comum em banho-maria e despeje devagar sobre a parafina em pó. Esse processo é opcional.

Ficam lindas essas velas!... Mãos à obra então!!!

Bjs....

7 comentários:

xiquibem disse...

Bem isto é um curso cmpleto... e até não é dificil, sou capaz de experimentar...gostei da ideia
Beijinhos

Rosangela Shelton disse...

Olá

O seu blog é um achado incrivel!! Parabéns! Tem de tudo um pouco, super bem explicado, além de muitaaa criatividade e diversificacão. Me tornei desde ontem, quando vi todos os seus posts, uma "xereta assidua".
E, também vou fazer o empadão e o pão de queijo.

Beijocas
r.shelton@cox.net

Cema disse...

Oi Sol.
Você é mesmo uma caixa de surpresas.Faz de tudo.
Adorei essa super aula de velas que postou.Tudo bem explicadinho.
Onde você costuma comprar a parafina, e outros ingredientes.
Um beijo carinhoso da amiga

Cema

Dalva disse...

oi Sol...
Entrei no teu blog, procurando uma receita de boné, para fazer para a minha netinha de 6 anos aue mora na Alemanha. Conheco so o basico do tricot para fazer um cachecol.. mas como vc explica tao direitinho sou capaz de aprender!!
Adorei o teu blog, alegre, colorido, vc passa mensagens positivas isto é muito importante!!
Moro em Campinas, mas atualmente estou na França, junto a minha outra filha, que no nono mes de gestaçao perdeu seu primeiro bebe.. entao tenho procurado fazer algumas coisas interessantes para tentar melhorar o clima triste que se instalou aqui!! Tudo vai passar.. desculpe contar minha historia.. beijinhos e merci!!

Dalva disse...

voltei para deixar meu email: da_molnar@yahoo.com.br
obrigada por antecipaçao.. desculpe a falta de acentos.. nao encontro nestes teclados aqui!!!beijuuusssss

Dalva disse...

adorei teu email, já respondi, nao encontrei a receita da boina..
ahh linkei teu blog no ultimo post do meu blog:
http://blogdadalva.blogspot.com
se nao te agradar eu deleto.. sem crise.. rsrsrs
beijussssssssssss

MARCELO 1985 disse...

boa noite
para cada 1 kg de parafina derretida, consigo quantos ml.

marcelo-ferreira2007@hotmail.com