domingo, agosto 27, 2006

Pequenas coisas...

Se eu pudesse congelar o tempo,
escolheria este momento,
exatamente agora,
nesta pouca hora
de uma quarta-feira.
O gerânio novo
enfeitando a prateleira,
o riso da criança
brilhando lá fora.
O livro aberto
no lugar certo,
que simplesmente diz
"Eu não tenho nada,
mas rouxinóis gorgolejam
versos na calçada"
É assim que se começa a ser feliz.
("Felicidade" - Flora Figueiredo)
Eu queria deixar registrado este poema, de tanta sensibilidade, da eterna Flora Figueiredo... Como é importante aprender a ver, não acham? Coisa mais triste alguém passando por uma praça, bem ao lado dos canteiros de azaléias em flor, com beija-flores suspensos no ar, e a pessoa passa sem ver nada disso, e volta para casa apressada, estressada, talvez dizendo que não viu nada novo na rua, nada interessante... Não viu, mas tinha!!!
Que o nosso Domingo seja bem simples, mas que tenha essas pequenas (e insubstituíveis) alegrias!!!
Ontem não coloquei o esquema da sainha, não coube no post. Mas aqui está:


Boa semana a todos......

E quem quiser ver fotos de gatos lindésimos, tá aqui ó:

www.razas-de-gatos.com

Bjão e intéééé.......

3 comentários:

Cema disse...

Oi Sol.
Que sainha linda, já copiei o molde, e salvei a foto.
Bjs.
Cema

jane disse...

Seu blog é encantador!
Sou do Rio Grande do Sul e vou lhe visitar sempre,continue.
abraços, Jane.

Dany disse...

Oi Sol.

Vim aqui especialmente para divulgar o projeto:

Quadradinhos de Carinho

Dê uma passadinha por lá.
Beijinhos